Repositorio

O currículo da educação de jovens e adultos e o ensino de ciências: um olhar sobre a cultura

Staub, Tatiane, Strieder, Dulce María, Malacarne, Vilmar, Saucedo, Kellys Regina Rodio
Atuar na investigação sobre a Educação de Jovens e Adultos (EJA) não delimita apenas a reflexão sobre uma faixa etária diferenciada de alunos, mas remete, dentre outros elementos, ao pensar e agir junto a um grupo com especificidades culturais. Alguns currículos brasileiros direcionados ao ensino e aprendizagem na disciplina de Ciências na EJA vêm aumentando a atenção quanto à heterogeneidade cultural, como resultado do maior conhecimento acerca dos sujeitos dessa aprendizagem. No presente artigo expomos resultados de uma investigação qualitativa, que considerou como instrumentos a pesquisa bibliográfica e documental, sobre como a heterogeneidade cultural é contemplada nas diretrizes ou orientações curriculares nacionais (do Brasil), estaduais (do Paraná/Brasil) e municipais (de Cascavel/Paraná/Brasil), especialmente nos direcionamentos para a disciplina de Ciências. Os documentos norteadores da EJA, como pareceres, resoluções, propostas curriculares e diretrizes curriculares, foram estudados tendo por abordagem metodológica principal a Análise de Conteúdo. Tal ação pretende contribuir para a implementação de políticas e práticas que almejem a ação educativa pautada no respeito à cultura do aluno e da imersão na cultura científica
Repository: Biblos-e Archivo: Repositorio Institucional de la UAM