Repositorio

O sistema mineiro de avaliação da educação pública: impactos na escola fundamental de Uberlândia

De Almeida, M.J.
Este artigo se respalda em uma pesquisa de cunho qualitativo que se propôs a analisar os impactos do Sistema Mineiro de Avaliação da Educação Pública – Simave – na organização do trabalho pedagógico no ensino fundamental de Uberlândia- MG. Ressaltamos ainda a premência pela qualidade e sua relação com a avaliação, considerada o mecanismo capaz de alcançá-la. Os resultados da pesquisa indicaram que a proposta do Simave responde à emergência de diretrizes avaliativas estabelecidas pelo novo paradigma do Estado Avaliador, as quais se consolidaram em diferentes países como um instrumento de controle exercido pelo governo sobre instâncias educativas. Mostraram ainda que os princípios democráticos, descentralizados, participativos e eqüitativos sobre os quais o Simave se respalda, ainda não se materializaram totalmente nas escolas investigadas. As circunstâncias que envolveram sua inserção nas escolas e a forma como foi realizado instigou nos professores a impressão de ser o professor o objeto da avaliação. Evidenciou-se a inquietação comum que há entre os educadores no sentido de aguardar medidas mais incisivas e contínuas do Governo após os resultados das avaliações.
Repository: Biblos-e Archivo: Repositorio Institucional de la UAM